Qual seguro viagem escolher: 5 dicas preciosas para fazer a melhor escolha

como funciona um plano odontologico 80x80 - Qual seguro viagem escolher: 5 dicas preciosas para fazer a melhor escolha
Conheça as vantagens de contratar um seguro odontológico para cuidar da saúde dos seus dentes
15 de abril de 2019
dpvat 758x426 1 80x80 - Qual seguro viagem escolher: 5 dicas preciosas para fazer a melhor escolha
Muito além do Seguro DPVAT: Conheça quais são os principais seguros auto
15 de abril de 2019
quanto custa o seguro viagem - Qual seguro viagem escolher: 5 dicas preciosas para fazer a melhor escolha

Destino definido. Passagens e hospedagem pagas. Malas prontas. Agora você está mais do que preparado para curtir suas férias ao máximo, não é mesmo? Errado! Dependendo do lugar que será visitado e das aventuras que você for encarar sozinho ou acompanhado, talvez seja interessante considerar a contratação de um seguro viagem.

Apesar da sua recente popularidade nos dias atuais, o seguro de viagem ainda desperta a curiosidade, além de muitas dúvidas na cabeça de quem pensa em adquiri-lo, como planos, condições e valores cobrados.

Para esclarecer estes e outros pontos, a Boaventura decidiu elaborar este artigo que vai abordar algumas dicas essenciais para escolher o melhor seguro de viagem para você e para a sua família. Confira!

1. Avalie a geografia do seu destino

Os aventureiros de plantão que não perdem a oportunidade de vivenciar experiências radicais que incluem esqui no gelo, montanhismo, bungee jumping, rafting ou qualquer outro esporte radical estão incluídos na categoria de indivíduos que precisam contratar um seguro viagem.

Por mais que a experiência seja levada em consideração, surpresas podem acontecer, podendo pôr em risco a vida do viajante. Alguns destinos internacionais obrigam a contratação dessa modalidade de seguro, pois eles se encaixam no Tratado de Schengen, criado para facilitar a livre circulação de residentes e estrangeiros no continente europeu.

2. Tenha em mente a duração e o destino da viagem

Existem algumas diferenças básicas entre seguro viagem nacional e seguro viagem internacional. Enquanto o primeiro cobre apenas despesas médicas cobradas fora do estado de cobertura do plano de saúde do segurado, evitando que ele tenha que desembolsar elevadas quantias de dinheiro caso precise de atendimento médico de última hora, o segundo já é indicado para viagens para fora do país em que o plano do segurado não ofereça a cobertura necessária.

3. Escolha um  plano atenda suas necessidades

Seja por causa de uma epidemia ou um simples acidente no exterior, sua viagem pode se transformar em uma experiência ainda mais traumatizante caso você não tenha o atendimento médico adequado.

Ao contratar um seguro para viagem, você não precisa arcar com despesas médicas que costumam custar bastante caro no exterior como consultas, internações, transporte de ambulância, entre outros.

Alguns serviços de seguro para viagem também incluem cobertura em caso de extravio de bagagem, traslado de corpo (em casos de morte), assistência jurídica e outros benefícios.  

4. Seguro e assistência viagem passam a ser serviços complementares

Para não causar nenhuma confusão é importante que você entenda a diferença básica entre a assistência médica oferecida pela seguradora e o seguro para viagem. Ela é definida de acordo com quem será o responsável por pagar pelo serviço de assistência quando ele for acionado.

A assistência de viagem arca com todos os custos do serviço, mas exige que você esteja ciente e informado sobre a instruções para a utilização do serviço. O seguro de viagem trabalha em um sentido diferente, determinando que o segurado primeiro pague pelas despesas médicas para depois ser reembolsado.

No entanto, a partir de 2016, a SUSEP (Superintendência de Seguros Privados) – órgão que regulamenta e fiscaliza a venda de seguros no Brasil – estabeleceu que tanto o seguro quanto a assistência fossem considerados apenas um serviço, que manteve o nome de seguro viagem.  

A partir de agora, o segurado pode escolher entre dois caminhos: acionar a seguradora para se atendido em uma das suas redes conveniadas ou ir ao local desejado e depois receber o reembolso ao retornar de viagem.

5. Considere o seguro do cartão de crédito

Outra modalidade bastante comum é o seguro do cartão de crédito. Algumas operadoras oferecem esse benefício extra para quem opta pela bandeira internacional.

No entanto, é importante que o consumidor confira com a prestadora de serviço quais são os serviços oferecidos para não ter nenhuma surpresa caso deseje ativá-lo em algum momento.

Se estiver interessado em usar o cartão durante um viagem e ser reembolsado depois que voltar para casa, o segurado também precisa carregá-lo. Para uma viagem, ele pode ser bastante útil, já que cobre custos de uma internação hospitalar, problemas de saúde e acidentes, por exemplo.

Agora que você já sabe mais sobre a importância de contratar o seguro viagem para ter todo o suporte necessário em casos de imprevistos durante sua estadia em um destino paradisíaco dentro ou fora do país, aproveite também para conferir outras opções de seguros para você e sua família, como seguro para bike e seguro de vida para idosos.

Boaventura Seguros
Boaventura Seguros
Há 18 anos fazendo a diferença no dia a dia do nosso segurado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *